Museu Virtual Batista do Sertão

Zacarias Taylor

Zacarias Taylor nasceu em 1851, em Jackson, Mississippi (USA). Sua família, durante a Guerra da Secessão, perdeu todos os bens e se mudou para o Texas (1865). Taylor ingressou na Universidade Batista de Waco, Texas (1869) onde se graduou Bacharel em Artes e depois na Universidade Batista de Baylor, Texas (1875) onde recebeu o grau de Mestre em Teologia (1879). Consagrado ao ministério, assumiu o pastorado no Texas. O contato com o Hawthorne, agente da Convenção Batista do Sul (USA) e a leitura de “O Brasil e os Brasileiros”, de Kidder, o levaram ao Seminário de Louisville, para se preparar para o serviço missionário no Brasil. Casou com Kate Stevens Crawford (25.12.1881) e partiram para o Brasil (11.01. 1882), onde se reuniram a Anna e William Bagby, em Santa Barbara (SP), estudando a língua nacional com Antonio Teixeira Albuquerque. Os missionários e o pastor Albuquerque se dirigiram a Salvador (BA), em agosto de 1882, iniciando a pregação do Evangelho. Organizaram a PIB Bahia (15.10.1882), Salvador (BA). Meses depois, os Bagby (1884) partiram para o Rio de Janeiro (DF).

Zacarias Taylor batizou em Pernambuco, o primeiro batista - Wandrejaselo Mello Lins -, em maio de 1885. Organizou, com Antonio Teixeira de Albuquerque, a Igreja Batista de Maceió (AL), mãe da PIB Recife e, no extremo oeste de Pernambuco, iniciou a pregação do Evangelho (1899) e organizou a Igreja Batista de Petrolina (1905).

Zacarias Taylor fundou (1886) o jornal O Eco da Verdade, que circulou até 1900. O casal Taylor teve quatro filhos e Katarin faleceu em Salvador (1892) e foi sepultada no Cemitério Britânico da Bahia. Viúvo, Zacarias Taylor casou a segunda vez com Laura Barton (1895) missionária que servira na China. Esta fundou o Colégio Americano Egidio (1898), em Salvador, depois transferido para Jaguaquara, com o nome de Colégio Batista Taylor Egídio. Zacharias Taylor ainda organizou a IB Petrolina (1905), representada Assembléia da CBB (1907) e escreveu “O retrato de Maria no céu” e traduziu “A História dos Batistas”, de Vedder. Faleceu (1919), em Corpus Christi, Texas, com a esposa Laura e uma filha, vitimas de maremoto que destruiu a cidade.

Biografia elaborada pelo historiador, Pr. Francisco Bonato Pereira.

Desenvolvido por   LeoMiranda.com